quarta-feira, 31 de julho de 2013

Novidade: associação da dermoinfusão com peeling de ácido retinóico

A dermoinfusão é um grande avanço da microdermoabrasão. Ao mesmo tempo em que a camada superior é removida pela esfoliação promovida pela ponteira de diamante, substâncias para manchas, peles acneicas  ou para rejuvenescimento são injetadas. Pode ser utilizado em vários tipos de pele. É mais indicada para peles dos  25-35 anos. Como é um procedimento superficial não necessita afastamento das atividades habituais.
Logo após, é aplicado um peeling com ácido retinóico em altas doses, podendo ocorrer leve descamação após dois ou três dias obtendo assim uma pele mais suave, luminosa e homogênea, com menos acne ou manchas.
É uma técnica segura, indolor, rápida e muito bem aceita pelos pacientes, afirma Hugo Weiss dermatologista.




Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

Clínica Weiss | Hugo Weiss Dermatologista
Fique em contato:



Hugo Weiss Telefone: 3395-1166

segunda-feira, 29 de julho de 2013

Flacidez nos braços : veja e surpreenda-se!

Paciente de 26 anos, com intenso emagrecimento há mais de 6 meses. Ficou com muita flacidez nos braços e coxas.
O resultado que apresentamos é de uma sessão. O tratamento completo é de 6 sessões.







Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

Clínica Weiss | Hugo Weiss Dermatologista          




domingo, 28 de julho de 2013

Açúcar: um doce vilão

Que o açúcar, em grandes quantidades engorda, todo mundo sabe. Mas você sabia que o açúcar também acelera o envelhecimento, inclusive o da pele?



O mecanismo ocorre através de um mecanismo natural que ocorre no nosso corpo denominado glicação, um dos responsáveis – porém não o único - pelo envelhecimento.  

Isso ocorre quando uma molécula de açúcar adere a uma molécula de proteína, gerando os Advanced Glication End Products (AGE) o que pode ser traduzido como “produtos finais da glicação avançada”.  O seu depósito sobre as células dificulta ou mesmo impede a regeneração do colágeno e da elastina. O resultado disso todos nós sabemos: flacidez, perda do viço da pele e rugas.

Como a ingestão de açúcar leva à formação de dopamina serotonina, substâncias que dão ao cérebro uma sensação de bem-estar, a tendência é que se consuma progressivamente mais açúcar, entrando num círculo vicioso de açúcar/bem-estar/mais açúcar. 

Ao longo dos anos o resultado é um aspecto mais envelhecido da pele, além de todas as complicações relacionadas ao consumo exagerado de doces.


Assim, fique alerta: fuja dos doces, preserve a saúde e mantenha uma pele viçosa por mais tempo, diz Hugo Weiss dermatologista.



Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

Clínica Weiss | Hugo Weiss Dermatologista

Caspas causam queda de cabelos?

A caspa não  causa queda de cabelo.
Enquanto muitas publicações pela internet afirmam  que a caspa provoca queda de cabelo e calvície, não há nenhuma evidência científica de que ele faz. Embora indesejável, a caspa é muito comum.Quase todo mundo passa por momentos em sua vida em que a caspa irá atacar. Os homens são afetados com frequência bem maior.

Existem tratamentos bem eficazes para acabar com esse incomodo, que vão desde shampoos adequados até ao uso de líquidos específicos.
Se você tem caspa e está percebendo a perda de cabelo , a queda pode ser  causada por um grande número de outras doenças,incluindo a calvície de padrão masculino ou alopecia areata. Consulte seu dermatologista, que pode ajudá-lo.
Um belo cabelo complementa e salienta a beleza da sua face, diz Hugo Weiss dermatologista.
Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

Clínica Weiss | Hugo Weiss Dermatologista

sexta-feira, 26 de julho de 2013

Sabonetes antissépticos são indicados para a higiene diária da pele?

A propaganda acerta diretamente o alvo: se não usarmos sabonete antissépticos para lavar a pele, os microrganismos tomarão conta do nosso corpo! Mas até que ponto a sua presença é um fato negativo para a nossa saúde? Será que realmente deveríamos tentar remover da pele todas as bactérias, todos os fungos e vírus?

Um trabalho publicado na conceituada revista Nature (http://www.nature.com/news/the-skin-s-secret-surveillance-system-1.11075) comprova que a pele apresenta microssistemas nos quais “micróbios do bem” habitam, e que estes são essenciais para a nossa saúde, pois competem com os microrganismos que potencialmente causam doenças.


                                          Fonte: Revista Nature


Este fato já é bem conhecido há muitos anos, porém, o que o trabalho dos imunologistas demonstra, é que a sua presença também é essencial para estimular as células de defesa da pele contra aqueles microrganismos capazes de causar doença.


Portanto, o uso de sabonetes antissépticos somente seria indicado nas situações em que essa barreira já tivesse sido rompida e portanto a eliminação dos microrganismos se faz necessária, diz Hugo Weiss dermatologista.

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Companhias de cosméticos que usam alta tecnologia para desenvolvimento de produtos, sem agredir animais

Com a tecnologia atualmente disponível, conhecimentos de química e bioquímica, o uso de modelos virtuais e cultura de células, a experimentação em animais mostra-se anacrônica e cruel, com serem que pensam, sentem, amam, têm dor, saudade e precisam ser defendidos desse tipo de ação.

Dados que muitas pessoas desconhecem ou não divulgam, demonstram que em verdade testagens em animais causaram grandes danos e mortes de seres humanos, além de sequelas graves.  





“De acordo com o Dr. Albert Sabin, pesquisas em animais prejudicaram o desenvolvimento da vacina contra o pólio. A primeira vacina contra pólio e contra raiva funcionou bem em animais, mas matou as pessoas que receberam a aplicação. Albert Sabin reconhece que o fato de haver realizado pesquisas em macacos Rhesus atrasou em mais de 10 anos a descoberta da vacina para a pólio.”

“As perigosas drogas Talidomida e DES foram lançadas no mercado depois de serem testadas em animais. Dezenas de milhares de pessoas sofreram com o resultado”. (http://www.pea.org.br/crueldade/testes/).


Esperamos que a lista abaixo cresça a cada dia e que os consumidores responsáveis façam com que os mercados das demais desapareça.


http://www.mediapeta.com/peta/PDF/companiesdonttest.pdf



Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.


terça-feira, 23 de julho de 2013

Companhias que fazem testagem de cosméticos em animais

Pelo número enorme de empresas incriminadas pela PETA, vamos disponibilizar o link da página.



Divulgue. Achamos que é importante que o maior número de pessoas possível deve conhecer como são feitos e criados os produtos que consomem.





Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Exerça sua cidadania sempre. Mesmo quando for usar cosmético !

Toda empresa que testar produtos cosméticos em animais, não será mais recebida para demonstração na Clínica Weiss. E nem serão receitados. 

Parar com a crueldade com os animais é nosso objetivo, mesmo sabendo que somos um grão de areia nesse mundo de consumo. Estaremos exercendo a nossa cidadania.

Os animais sentem, amam e sofrem como nós. Que usem a tecnologia da informação para modelos experimentais, cultura de células para testagem inicial. . Muitas empresas o fazem. 

Além da crueldade, os animais reagem de forma diversa dos nossos sistemas.  
A prática de experimentos cruéis demonstram pouca inteligência do fabricante e reduzem a confiabilidade.

Se você pensa como a gente, divulgue essa ideia. 

Maiores informações podem ser encontradas no site da PETA e ACE (https://www.facebook.com/pages/Animal-Cruelty-Exposed/363725540304160) de onde obtivemos a fotografia abaixo.


Este beagle foi usado numa grande empresa multinacional para testagem de seus produtos.



Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

sexta-feira, 19 de julho de 2013

Produtos cosméticos testados em animais: a posição da Clínica Weiss

Consideramos que o teste de produtos cosméticos em animais inadequados e cruéis. A Clínica Weiss passará, a partir do dia 01 de agosto a não aceitar visitação e não receitará produtos cosmecêuticos, ou seja, produtos cosméticos de receituário médico, que não estejam dentro dos padrões estipulados pela entidade internacional PETA (People for the Ethical Treatment of Animals).





A PETA é uma entidade que combate internacionalmente que sejam feitas vestimentas, experimentação, entretenimento ou abusos de qualquer natureza em animais.

Quem quiser mais informações sobre esta entidade poderá acessar a sua página http://www.peta.org/

Hoje já existem maneiras de testar os ativos e ingredientes de produtos sem que haja crueldade em seres vivos. Citamos o exemplo de uma das mais importantes empresas internacionais de cosméticos, a japonesa Shiseido, que a partir de abril deste ano baniu essas atividades de sua linha de produção.



Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Tratamentos a laser: quatro dicas importantes


Os tratamentos com laser e luz intensa pulsada (LIP) estão sendo cada vez mais utilizados na prática dermatológica. Sua versatilidade, bons resultados e a possibilidade de alcançar camadas da pele que cremes ou peelings superficiais não atingem, tornaram o seu uso cada vez mais difundido.


Entretanto, algumas questões devem ser consideradas antes de iniciar o tratamento. Vamos a elas:

1 – Qual a indicação?

Quando se trata de laser ou LIP, não podemos esquecer que estamos diante de um procedimento médico. Assim, uma avaliação realizada pelo seu médico dermatologista é o primeiro passo para o sucesso do tratamento. Existem vários tipos de laser e LIP, e como toda ferramenta, cada um se destina a um alvo. Assim, o laser para tratar vasinhos da face não será o mesmo que o utilizado para flacidez ou rugas profundas, por exemplo. E muitas vezes técnicas combinadas podem ser necessárias para se obter um bom resultado.

2 – Qualquer pessoa pode ser tratada?

Novamente não se pode deixar de lado a avaliação clínica. Tipo de pele, problemas de saúde existentes ou  gestação/lactação podem ser fatores limitadores para a sua indicação.

3 – Posso me expor ao sol?

Este é um fator que precisa ser bem esclarecido, e temos dois pontos a considerar. O primeiro é que o sol, em geral, é o responsável pelo aparecimento de uma grande maioria das alterações da pele. Se após o tratamento houver exposição direta ao sol, o resultado terá uma duração muito pequena. 
O segundo fator diz respeito ao próprio tratamento, pois uma pele bronzeada pode ser um fator de risco para o tratamento. Sempre informe o seu médico quando foi a última vez que você se bronzeou ou se pretende se expor diretamente ao sol durante ou após o tratamento.
E nunca se esqueça de usar filtro solar diariamente, mesmo em dias nublados ou com chuva, diz Hugo Weiss dermatologista.

4 – Precisarei me afastar das minhas atividades?

Dependerá muito do laser ou LIP utilizado. Alguns tratamentos exigem, sim, um período de afastamento das atividades sociais, outros não. Mas de um modo geral, mesmo quando há necessidade de afastamento, este é por poucos dias.


Em resumo, não existe “um” laser, mas tratamentos que envolvem tipos diferentes de laser ou luz intensa pulsada, cada um com a sua indicação, que nas mãos de um profissional bem treinado ajudarão a deixar a sua pele mais bonita e saudável. 


Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

terça-feira, 16 de julho de 2013

Piolhos continuam infestando crianças, adolescentes e adultos

A causa é um inseto que pica e suga sangue, causando considerável irritação. Ataca todas as camadas sociais da população, preferindo os adolescentes colegiais.
Muitas vezes é de difícil diagnóstico. Sempre desconfie quando surgiram bolinhas na nuca e coceira no couro cabeludo. Outro sinal que ajuda a descobrir o causador do quadro são as lêndeas, que são os ovos do piolho. Elas grudam com firmeza nos cabelos, ao contrário de outras descamações que se soltam facilmente.
Descoberto o quadro deve -se buscar o tratamento e examinar outros membros da família, diz Hugo Weiss dermatologista.
Para remover as lêndeas, deve-se molhar os cabelos com uma mistura de água com vinagre branco, colocar no couro cabeludo e aguardar por meia-hora. Aí usa-se o pente fino. Repetir em uma semana.


Lêndeas


Intensa coceira na nuca




Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Fatores de risco para a deficiência de vitamina D

Tem crescido bastante, pelo resultado dos exames que têm sido solicitados, o número de pessoas com deficiência de vitamina D.
Correm maior risco para desenvolver deficiência desta importante vitamina os seguintes grupos:




  • Indivíduos que se expõem pouco ao sol, por exemplo: locais com inverno mais rigoroso e longo, idosos acamados que são pouco mobilizados e expostos adequadamente ao sol;
  • Idosos, mesmo que se expondo ao sol, pois a pele envelhecida produz menos vitamina D;
  • Pele excessivamente coberta, frequentes por questões religiosas;
  • Pessoas com peles mais escuras;
  • Obesos mórbidos;
  • Lactentes recebendo amamentação exclusiva.
Todas as pessoas que pertençam e estes grupos devem realizar, periodicamente, a dosagem da vitamina D e fazer a suplementação, se necessário. O que não se justifica é a exposição errada e exagerada ao sol, que, entre outras causas pode resultar na formação do melanoma maligno.
A falta da vitamina D causa, entre outros, redução da massa óssea (osteopenia e osteoporose) além de ser muito importante para o cérebro e o coração, entre outros. 


Clínica Weiss, centro de treinamento e referência em Dermatologia e Laser.

sábado, 13 de julho de 2013

Cuidados com a pele na gestação

Todas as fases da vida exigem cuidados específicos com a pele. A gestação não é diferente.

E a preocupação com a pele durante este período é bem explicada, principalmente em relação às estrias, manchas e o que pode ser aplicado sobre a pele sem prejudicar o bebê que está a caminho, diz Hugo Weiss dermatologista.


Estrias:

Uma das principais preocupações da futura mamãe, as inestéticas estrias estão relacionadas principalmente à genética, ao ganho de peso e à faixa etária da gestante. Assim, gestantes cujas mães ou avós tiveram estrias, estão mais propensas a também formarem estrias, principalmente se não houver um controle no ganho de peso. Em relação à idade, quanto mais jovem a gestante, maior a chance de desenvolver estrias.
Utilize hidratantes próprios para esta fase - converse com seu dermatologista! – aplicando-o nas coxas, abdome e mamas. Uma observação importante: nunca aplique o hidratante diretamente sobre os mamilos durante este período.

Manchas:

O melasma, ou mancha da gravidez, é outra alteração muito temida. Aparece como manchas acastanhadas na face e pode ser muito difíceis de controlar. O uso de filtro solar, aplicado generosamente na face, todas as manhãs com ao menos uma reaplicação no início da tarde é fundamental.

Acne:

Uma alteração bastante frequente na pele da gestante é a acne. Procure seu dermatologista, ele indicará o tratamento adequado.  Lembre-se: durante este período são poucos os produtos que podem ser utilizados com segurança. E nunca tome medicamentos sem orientação médica.

Lembre-se:  para manter a pele bonita durante este período tão especial da vida, baseie-se em três pontos:
  • Hidratar: por dentro e por fora: beba muita água e utilize hidratantes suaves, próprios para gestante ou prescritos pelo seu médico
  • Esfoliar: o uso de um sabonete levemente abrasivo, duas a três vezes por semana é muito bom para a pele.
  • Usar filtro solar diariamente, mesmo em dias nublados ou com chuva.


E agora é desfrutar, junto com a família e os amigos, deste período tão especial!


quinta-feira, 11 de julho de 2013

Cremes com células-tronco

As células-tronco, tão badaladas nos últimos tempos, são foco de estudos nas mais diversas áreas.  Isso porque têm o potencial de formar qualquer tecido ou órgão do nosso corpo.

Na área da cosmética, alguns cremes e loções utilizados para reduzir as marcas do tempo na pele, anunciam células-tronco na sua composição.


Esses produtos realmente contêm células-tronco?


Não. A presença de células vivas depende de um sistema muito complexo denominado “cultura de células” que é impossível de existir num frasco de cosmético.

Na realidade estes produtos utilizam, sim, células-tronco, porém elas são “biorreatores”, que produzem extratos botânicos com alto grau de pureza.

Esses extratos, muito utilizados nos cosméticos, se extraídos diretamente da natureza, têm algumas desvantagens:

  • Podem conter metais pesados, oriundos da poluição atmosférica ou da água;
  • O controle de pragas, com pesticidas, também podem alterar a pureza do produto;
  • A produção fica sujeita ao clima sendo mais irregular.



Assim, quando você ler que um creme ou loção contém células-tronco, já sabe que, na realidade, o que se utiliza é uma tecnologia de ponta para a obtenção de extratos puros, porém sem as células propriamente ditas, diz Hugo Weiss dermatologista.